Publicado em Deixe um comentário

O Glúten é um VENENO para o Celíaco

Você descobriu que é celíaco e não sabe nem por onde começar a cortar o glúten de sua dieta? Fique tranquilo, pois você não está sozinho! Segundo dados da Federação Nacional das Associações de Celíacos do Brasil (FENACELBRA), cerca de 2 milhões de brasileiros possuem a doença celíaca.

Esse número tem feito com que o mercado tenha disponível cada vez mais produtos voltados para quem não pode comer glúten (uma proteína presente em alguns cereais). Embora possa parecer difícil, atualmente existem diversas opções de alimentos substitutos para quem é celíaco — todas muito saborosas.

Para ajudar na escolha dos alimentos, a Fenacelbra desenvolveu a listagem abaixo, separada por grupos de alimentos, subdivididos em:

  • Proibidos: Alimentos que contém Glúten;
  • Permitidos: Alimentos isentos de Glúten;
  • Permitidos com moderação: Alimentos isentos de Glúten porém com grande concentração de açúcar, sódio, álcool, gorduras e/ou aditivos químicos.

Vamos conferir?

 

Grãos e Farinhas

  • Proibidos: Trigo, centeio, cevada, aveia e malte, farinha, farelo e gérmen de trigo, farelo de aveia, farinha de rosca, trigo de kibe.
  • Permitidos: Arroz (e farinha de arroz e creme de arroz), milho (e maisena), quinoa, amaranto, feijão, ervilha grão de bico, lentilha, trigo sarraceno.
  • Permitidos com moderação: Alimentos isentos de Glúten porém com grande concentração de açúcar, sódio, álcool, gorduras e/ou aditivos químicos.

Tubérculos e suas farinhas

  • Proibidos: Farofa industrializada.
  • Permitidos: Batata, batata doce, aipim (mandioca), inhame, cará, polvilho (doce e azedo), goma de tapioca, fécula de batata, sagu, araruta.
  • Permitidos com moderação: Batata e aipim fritos (em casa), batata tipo Ruffles, farofa.

Pães, Biscoitos e Massas

  • Proibidos: Pão francês, pão integral, pão de forma, pão doce, tortas, empadão, salgadinhos, croissant, pizza, macarrão e massas a base de trigo, sêmola ou semolina, kibe.
  • Permitidos: Pães sem glúten, biscoito de polvilho, biscoitos de soja, de arroz, de milho, massas isentas de glúten, tapioca.
  • Permitidos com moderação: Pão de queijo, lasanha, pizza e massas em geral isentas de glúten, porém contendo queijo e molhos gordurosos.

Bebidas

  • Proibidos: Cerveja, whisky.
  • Permitidos: Água, água de coco, suco de fruta, café (na rua, preferir café expresso).
  • Permitidos com moderação: Vinho, saquê, cachaça, vodka, cerveja sem glúten, Prosecco, Champagne, refrescos industrializados, refrigerante, guaraná natural/xarope de guaraná, xarope de groselha.

Leite e Derivados

  • Proibidos: Achocolatados contendo malte, Ovomaltine, mingau de aveia, iogurtes contendo aveia.
  • Permitidos: Iogurtes, leite baixa lactose, queijos, leites vegetais (coco, castanhas, gergelim, arroz, soja).
  • Permitidos com moderação: Leite de soja com frutas, leite com achocolatados, leite condensado, creme de leite.

Condimentos

  • Proibidos: Molho shoyo contendo trigo (a maioria das marcas).
  • Permitidos: Alho, cebola, tomate, pimentão, pimenta em grão, alecrim, salsa, cebolinha, tomilho, orégano, manjericão, sálvia.
  • Permitidos com moderação: Temperos prontos isentos de glúten, molho Shoyo (Sakura), catchup, mostarda, maionese, molhos de salada.

Proteínas

  • Proibidos: Bife de glúten, proteína vegetal, nuggets, bife à milanesa, empanados.
  • Permitidos: Carnes (boi, peixe, frango, porco, rã, cabrito, cordeiro, etc), ovo.
  • Permitidos com moderação: Presunto, blanquet de peru, salame, salaminho, mortadela, salsicha.

Doces

  • Proibidos: Bolos, tortas, docinhos de festa, chocolate contendo malte, pavê, torta alemã.
  • Permitidos: Chocolate amargo, geleia de frutas sem adição de açúcar, alfarroba.
  • Permitidos com moderação: Gelatina, geleia de mocotó, balas, chocolate ao leite, chocolate branco, sorvetes.

Frutas, Legumes e Hortaliças

  • Proibidos: Tempurá, legumes empanados, tortas e empadões de hortaliças.
  • Permitidos: Todos.
  • Permitidos com moderação: Compota de frutas, geleia diet, sorvete de frutas.

Sementes e Oleaginosas

  • Proibidos: Amendoim japonês.
  • Permitidos: Todos.
  • Permitidos com moderação: Confeitos de amêndoas, etc.

Gorduras

  • Proibidos: Óleo re-utilizado de frituras anteriores.
  • Permitidos: Azeite de oliva.
  • Permitidos com moderação: Óleo de abacate, de coco, manteiga, margarina, creme vegetal, óleos de grãos (soja, milho, girassol, arroz), óleo de canola, banha de porco.

Alimentos naturalmente isentos de glúten, mas que podem estar contaminados:

  • Alimentos vendidos a granel: grãos, sementes/oleaginosas, ervas/condimentos, chás, etc.
  • Produtos isentos de glúten manipulados na mesma área física e/ou maquinário utilizado para os que contem glúten – farinhas, polvilho, chocolates, grãos, etc.
  • Queijos e frios fatiados em padarias
  • Café previamente moído, em padarias, bares e lanchonetes (pode estar contaminado com cevada)
  • Biscoitos de polvilho e pão de queijo preparados em padaria ou ambientes onde se trabalha com farinha de trigo
  • Batata frita em restaurante e festas (óleo re-utilizado de outras frituras – pastel, salgadinho, empanados)
  • Alimentos no balcão dos restaurantes self service (podem ser contaminados pela troca de talheres, na hora de servir)
  • Molhos, sopas e feijão em restaurantes (podem ter adição de farinha de trigo, como espessante)
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *